A RESSIGNIFICAÇÃO E REINSERÇÃO DOS DEPENDENTES DE ÁLCOOL E OUTRAS DROGAS NO MERCADO DE TRABALHO

                                           Tainara Susie Martins Silva [1]

Sara Carlos da Silva [2]

Valdir de Aquino Lemes [3]

RESUMO

O uso e abuso de substâncias psicoativas sempre esteve presente na história da humanidade, mas nos dias atuais possui uma conotação diferente. Esta pesquisa buscou expressar os problemas que o indivíduo, que faz uso prejudicial de álcool e outras drogas, enfrenta na sua reinserção no âmbito social, especificamente nomercado de trabalho, devido aos estereótipos e estigmas atribuídos a ele, de cunho pejorativo e negativo, que contribuem com sua marginalização. Em virtude disso, o objetivo deste artigo é descrever e discutir a importância do trabalho laboral no processo de ressignificação e reinserção do dependente de álcool e outras drogas na sociedade. Para a realização deste estudo, utilizou-se o método de pesquisa bibliográfica que ocorreu por meio da compilação 59 referenciais teóricos que abordam a temática. O resultado do presente estudo aponta que o trabalho laboral é um dos aspectos relevantes que contribuem no tratamento da dependência de álcool e outras drogas, pois é considerado como uma das estratégias de enfrentamento, de reinserção social e mudanças no estilo de vida. No entanto, as representaçõessociais que envolvem este fenômeno são intensas e causam prejuízossignificativos na vida do indivíduo, devido serem intrinsecamente ligados a criminalidade, violência e sem perspectivas de mudança. Diante do exposto, conclui-se que o trabalho laboral apresenta ser fundamental para o êxito no tratamento do indivíduo que faz uso prejudicial de álcool e outras drogas, porser um dos meios de reinseri-lo na sociedade e de ressignificarsua vida, além de contribuir com o restabelecimento do núcleo familiar por ser uma das estratégias de enfrentamento à recaída.

PALAVRAS-CHAVE: Dependência Química; Representações Sociais; Identidade Profissional.

ABSTRACT

The use and abuse of psychoactive substances have always been present in the History of mankind; however, nowadays, they have brought us a different meaning. This research sought to express the problems that the alcohol and drug addicts face in their reinsertion in the social environment – more specifically in the labor market – due to the stereotypes and the general stigma attributed to these individuals, besides the pejorative and negative nature which contributes to their marginalization. Therefore, the purpose of this article is to describe and discuss the importance of the work in the process of resignification and reinsertion of the alcohol and other drug dependents in society. For the accomplishment of this study we used the method of bibliographical research by the compilation 59 of theoretical references on the theme. The result of the present study shows that the work is a deeply relevant aspect which surely contributes to the treatment of alcohol and other drug addiction, being considered as a very important coping strategy for the social reintegration and changes in lifestyle. Nevertheless, the social representations which involve this phenomenon are intense, and they may cause significant losses in the life of an individual once they are intrinsically linked to crime, violence and no prospect of change. In view of the above, one can come at the conclusion which work is essential for the success in the treatment of individuals who make harmful use of alcohol and other drugs, as a powerful way to reinsert these individuals in society and to resignify their lives, and also contributing to the reestablishment of the family nucleus, as well as for being one of the coping strategies to avoid relapse.

KEYWORDS: Chemical Dependency; Social Representations; Professional Identity.


[1] Brazcubas educação, Mogi das Cruzes, Brasil, acadêmica de Psicologia

[2] Mestranda em Saúde Pública (EAD), Mogi das Cruzes, Brasil, Docente na Brazcubas educação

[3] Unifesp, São Paulo, Brasil, Pós-doutor em Ciências da Saúde, Docente na Brazcubas educação

BULLYING NO CONTEXTO ESCOLAR: REFERÊNCIA ÀS TEORIAS DE JUNG

                                           Wagner Mendes da Silva [1]

Dr. Marcus Nascimento Coelho [2]

RESUMO

Este trabalho tem por objetivo refletir sobre a problemática do bullying nas escolas. Esta expressão, de origem inglesa, define um tipo específico de violência que tem sido, de certa forma, tolerada pela comunidade escolar. Para demonstrar as consequências nocivas deste problema para a aprendizagem, pretende-se analisar a resposta dos alunos do Ensino Médio do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso – Campus Juína, à intervenção realizada sobre o tema, através da leitura de estudos já anteriormente realizados acerca do assunto, enfocam-se as possíveis causas do fenômeno, que tanto afeta a autoestima dos alunos, e apontam-se prováveis soluções, tendo como parâmetro de estudo a teoria de Carl Jung, para fundamentar melhor este trabalho

PALAVRAS-CHAVE: Bullying, educação, psicológico, alunos.

ABSTRACT

This work aims to reflect on the problem of bullying in schools. This English expression defines a specific type of violence that has been somewhat tolerated by the school community. To demonstrate the harmful consequences of this problem for learning, we intend to analyze the response of the middle school students of Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso-Campus Juína, intervention carried out on the subject, by reading previously conducted studies on the subject, focus on the possible causes of the phenomenon, which affects the self-esteem of pupils, and point-if likely solutions, having as parameter of the theory study of Carl Jung, to support this work.

KEYWORDS: Bullying, education, psychological, students.


[1] Mestrando do Curso de Mestrado de Ciências em Educação da AEBRA, Juína, Mato Grosso. Especialista em Psicopedagogia e Gestão Escolar.

[2] Professor Orientador – Doutorado em Psicanálise pela Sociedade Internacional de Psicanálise de São Paulo, Brasil.

A COMPOSIÇÃO DE UM AMBIENTE EDUCACIONAL ÉTICO NA BUSCA DE UMA SOCIEDADE MAIS SÓLIDA.

                                           Mariana Leticia Servelhere de Rezende Francisquetti [1]

Ana Lara Casagrande [2]

RESUMO

Falar sobre ética, atualmente, tornou-se prática comum, tendo em vista a sociedade frágil na qual estamos inseridos e que fora moldada, no decorrer dos anos, por seres que se habituaram a falar sobre a temática sem, contudo, necessariamente viver a essência do conceito. Consideramos que a retórica sem ação prática, torna-se vã. Vendo tal problemática, este artigo propõe explorar a indispensabilidade de falar sobre e praticar a ética no ambiente educacional, para termos profissionais capacitados, não somente em teorias das disciplinas nas quais lecionam, mas em atuação cotidiana, tendo clareza de que ser educador vai além de ensinar conteúdos estritamente acadêmico-científicos.

PALAVRAS-CHAVE: Ética. Prática. Ambiente Educacional.

ABSTRACT

Talking about ethics today has become a common practice in view of the fragile society in which we are inserted and that has been shaped, over the years, by people who have become accustomed to talking about the subject without necessarily living the essence of the concept. We consider that rhetoric without practical action becomes vain. Seeing this problematic, this article proposes to explore the indispensability of talking and practicing ethics in the educational environment, to qualified professional terms, not only in theories of the disciplines in which they teach, but in daily practice, being clear that being an educator goes beyond teaching contents strictly academic-scientific.

KEYWORDS: Ethics. Practice. Educational Environment.


[1] Especialista em Psicopedagogia com ênfase na educação infantil, mestranda em Ciências da Educação pela Saint Alcuim Anglican College, Juína/MT, Brasil.

[2] Mestre, Doutora e Pós-doutora em Educação. Professora adjunta da Universidade Federal de Mato Grosso – UFMT, Cuiabá/MT, Brasil.

ÉTICA NA EDUCAÇÃO

                                           Júlio César Zaniolo de Almeida [1]

Luana Daniele dos Santos Rocha[2]

Marcos Aurélio Chagas Cardoso[3]

RESUMO

Este artigo segue com o objetivo de descrever a ética na educação, inicialmente definindo-se a ética e a moral, colocando seu ponto chave dentro da educação. A ética como tema chave do bom relacionamento da sociedade e a moral como formação dos jovens, tomando, também, a ética dentro da educação, explorada como forma de debates entre professores e alunos. Na sequência, enfoca o difícil trabalho de ensinar a ética dentro das escolas, conceituando a ética como formação da idéia crítica da sociedade. A educação é a metodologia de transformar crianças em seres humanos éticos, tem a função de construção do poder crítico e o fazer questionar acerca da vida e da sociedade, com regras e padrões que serão impostos a eles, julgar a imposição dos superiores, nada mais é do que aprimorar a vida do ser de cada cidadão ético em sociedade.

PALAVRAS-CHAVE: Ética, Moral, Educação.

RESUMEN

Este artículo sigue com el objetivo de describir la ética en la educación, inicialmente definiendo la ética y moral, colocando su punto clave dentro de la educación, la ética como tema clave de la buena relación de la sociedad y la moral como formación de los jóvenes abordará también la ética dentro de la educación, utilizada como forma de debates entre profesores y elumnos a continuación traerá el difícil trabajo de ensenãr la ética dentro de las escuelas, trayendo la ética como formación de la idea crtítica de la sociedad. La educación es la metodología de transformar ninõs en seres humanos éticos, tiene la función de construcción del poder crítico y hacer cuestionar la cerca de la vida y sociedad que se les impondrá, juzgar la imposición de los superiores, nada más es que mejorar la calidad la vida del ser de cada ciudadano ético en sociedad.

PALABRAS CLAVE: Ética, Moral, Educación.


[1] Graduado em Ciências Contábeis pela AJES – Faculdades do Vale do Juruena, juliozaniolo@hotmail.com

[2] Cursando I Termo de Direito/2018 pela AJES – Faculdades do Vale do Juruena, luhrocha-20@hotmail.com

[3] Dr em Educação pela Saint Alcuin, dr.marcos.f1@outlook.com

A TRAJETÓRIA DA EDUCAÇÃO BRASILEIRA: CONCEITOS, TENDÊNCIAS PEDAGÓGICAS E SUAS INOVAÇÕES

                                           Hosana Madalena da Costa Vieira Padilha[1]

Edmilson Siqueira de Sá[2]

RESUMO

Este artigo tem como escopo uma discussão e reflexão sobre os caminhos da educação brasileira em seu contexto histórico-social e as tendências pedagógicas no Brasil, discorrendo sobre a maneira como cada período histórico interferiu e/ou refletiu sobre a educação em um contexto geral brasileiro, ao mesmo tempo em que pontua as mudanças em termos pedagógicos, assim como na própria história desse sistema no país. As tendências pedagógicas são observadas por terem sua importância fundamental para a consolidação do sistema educacional ao longo dos tempos até nossa realidade atual, isso porque tais tendências estão diretamente associadas ao currículo e às práticas dos docentes. Para tratar do assunto, foi adotada a premissa de uma revisão bibliográfica, a qual nos permite conhecer melhor acerca deste tema a partir de diferentes fontes como: artigos, periódicos, revistas, obras, legislações entre outros. As várias leituras disponibilizadas apontam que, mesmo enfrentando dificuldades, o sistema educacional brasileiro conseguiu grandes conquistas e as mudanças que ainda se fazem necessárias não dependem somente do Estado, mas também de toda a sociedade, a quem cabe cobrar por uma educação gratuita e de qualidade.

PALAVRAS-CHAVE: História da educação. Tendências pedagógicas. Inovações.

ABSTRACT

This article has as scope a discussion and reflection on the paths of Brazilian education in its historical-social context and its pedagogical tendencies in Brazil, listing how each historical period interfered and/or reflected on education in a general Brazilian context, at the same time he points out the changes in pedagogical terms, as well as the very history of this system in the country. The pedagogical tendencies will be observed because they have their fundamental importance for the consolidation of the educational system over time to our current reality, because these tendencies are directly associated with the curriculum and the practices of the teachers. In order to discuss the subject, we adopted the premise of a bibliographic review which allows us to know better about this subject from different sources such as: articles, periodicals, magazines, works, legislation, among others. The various readings available indicate that even in the face of difficulties, the Brazilian educational system has achieved great achievements and the changes that are still necessary will not only depend on the State, but also on the whole of society, who are charged for a free and quality education.

KEYWORDS: History of education. Pedagogical trends. Innovations.


[1] Licenciada em Letras pela Universidade Estadual de Goiás, aluna do Mestrado em Educação da FIG, 2016.

[2] Professor Dr. Orientador em Fundamentos Históricos da Educação.

UM BREVE HISTÓRICO DA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS NO BRASIL

                                           Sandra Maria Alves Barbosa Melo[1]

Eliete Borges Lopes[2]

RESUMO

O presente artigo tem como objetivo, a partir do histórico da Educação de Jovens e Adultos no Brasil (EJA), compreender as políticas pedagógicas implementadas no país e o quanto representam para o desenvolvimento da educação no que tange à alfabetização e ao senso crítico. Para a pesquisa, foram utilizados documentos oficiais, um aporte bibliográfico e um questionário investigativo. A metodologia teve como intento o significado em termos de teorias e práticas, com resultados negativos e positivos, do EJA para as populações com as quais o modelo entra em contato. Além disso, procura-se apontar a relevância de Paulo Freire para esse modelo educacional, com suas contribuições e também os desdobramentos para se ter educandos críticos e capazes de transformar o próprio mundo e da coletividade. Para isso, a experiência de vida daqueles que desejam completar ou conquistar uma educação formal entra em cena, com um impacto extraordinário para o programa institucional. Assim, assegura-se a importância do EJA e a sua força como instrumento educacional para a transformação de realidades pela inclusão e pelo estímulo ao pensamento.

PALAVRAS-CHAVE: História da educação. EJA. Paulo Freire. Transformação.

ABSTRACT

This article aims to understand the pedagogical policies implemented in the country and how they represent the development of education in literacy and critical sense, based on the history of Youth and Adult Education in Brazil (EJA). For the research, official documents, a bibliographical contribution and an investigative questionnaire were used. The methodology had as its intent the meaning in terms of theories and practices, with negative and positive results, of the EJA for the populations with which the model comes into contact . In addition, it seeks to point out the relevance of Paulo Freire to this educational model, with its contributions and also the unfolding to have critical students capable of transforming the world and the community. To this end, the life experience of those who wish to complete or conquer formal education comes on the scene, with an extraordinary impact on the institutional program. Thus, the importance of the EJA and its strength as an educational tool for the transformation of realities through inclusion and the stimulation of thought is ensured.

KEYWORDS: History of education. EJA. Paulo Freire. Transformation.


[1] Pós-Graduada em Teoria da História Regional pela UFMT. Mestre em Educação pela Saint Alcuin/Chile. Doutoranda em Educação na Facisc/Chile.

[2] Dra. em Educação pela Universidade Federal de Mato Grosso 2016. Mestre em Educação pela UFMT, 2011. Graduada em Pedagogia UFMT 2004.

EDUCAÇÃO NO SISTEMA PRISIONAL – CONCEITOS

                                           Fábio Teixeira[1]

Marcos Fernandes de Carvalho[2]

RESUMO

Este trabalho tem como propósito apresentar o conceito de educação nas prisões, incluindo as principais leis e normativas que regem sua implementação e funcionamento dentro das unidades prisionais. Enfatiza-se que os conceitos aqui mostrados estarão voltados para os espaços destinados às práticas educacionais dentro do sistema prisional, no estado de Mato Grosso. As informações aqui apresentadas são baseadas nas publicações jurídicas que norteiam a implantação das instituições de ensino que atuam no atendimento das pessoas privadas de liberdade. Para o leitor que desconhece a realidade vivida dentro do sistema prisional, no que tange às questões educacionais, este artigo servirá como subsídio de conhecimento sobre os processos de implementação e desenvolvimento das atividades que visam propiciar condições para que o apenado desenvolva sua capacidade laboral com mais eficiência. Desta forma, mostra-se a este aluno que o conhecimento adquirido em sala de aula pode ser o caminho mais curto para sua liberdade, não apenas física, mas também intelectual, tendo em vista que todo trabalho realizado pelo corpo docente em uma unidade sócio educativa, tem como principal objetivo a plena capacidade de ressocialização de seus internos. Sendo assim, quando receberem o alvará de soltura, estes cidadãos retornarão à sociedade confiantes em sua capacidade de trabalho e estudo.

PALAVRAS-CHAVE: atividades, educação, liberdade.

ABSTRACT

The purpose of this paper is to present the concept of prison education, including the main laws and regulations that govern its implementation and functioning within prisons. It is emphasized that the concepts presented here will focus on the spaces destined for educational practices within the prison system in the state of Mato Grosso. The information presented here will be based on the legal publications that guide the implementation of educational institutions that serve the care of persons deprived of their liberty. For the reader who does not know the reality lived within the prison system, with regard to educational issues, this article will serve as a knowledge subsidy on the processes of implementation and development of activities that aim to provide conditions for the patient to develop their work capacity with more efficiency. In this way, it is shown to this student that the knowledge acquired in the classroom may be the shortest path to freedom, not only physical, but also intellectual, since all the work done by the faculty in a socio-educational unit has as the main objective the full capacity of resocialization of its inmates. Thus, when they receive the release permit, these citizens will be return to society confident of their ability to work and study

KEYWORDS: Activities, education, freedom.


[1] Professor graduado em Letras pela UNEMAT – Universidade do Estado de Mato Grosso; pós-graduado em Docência do Ensino Superior; graduando em Arquitetura e Urbanismo e mestrando em Educação.

[2] Professor graduado em Química; mestre em Química, doutor em Ciências e pós-doutor em Engenharia de Materiais pela UFSCar – Universidade Federal de São Carlos.

O USO DO DESENHO PARA A APRENDIZAGEM NA EDUCAÇÃO INFANTIL

                                           Gilvone Furtado Miguel[1]

Nilda Jaqueline Rodrigues de Oliveira[2]

RESUMO

O objetivo deste artigo é de relacionar a prática do desenho, como recurso para a alfabetização na Educação Infantil, compreendido e explorado como recurso pedagógico junto a criança, que possibilita a expressão das referências às atividades do cotidiano social para a construção da aprendizagem. O desenho, como atividade lúdica para o desenvolvimento da linguagem, nas modalidades da escrita e da leitura com interpretação, possibilita a construção de conceitos e outros elementos que asseguram um processo de aprendizagem cada vez mais presente quanto ao meio que o cerca, garantindo a base da formação infantil. Os traços gráficos, ou seja, os símbolos representam a escrita por parte da criança, ao longo de sua vivência, como ação de um conhecimento em que se tem o nível da aprendizagem do aluno nas mais variadas formas do desenho. O desenho é um recurso de uso contínuo, que integra as várias composições, atribuindo o significado que vem dimensionar o desenvolvimento da criança em relação à escrita e oralidade. Portanto, o desenho é parte dos primeiros sinais gráficos desenvolvidos pela criança e contribui para a formação da sua cidadania.

PALAVRAS-CHAVE: Aprendizagem, Desenho, Linguagem, Criança.

ABSTRACT

The objective of this article is to relate the practice of drawing as a resource for literacy in Early Childhood Education, so that the child can analyze and refer everyday activities to the construction of learning. Drawing as a playful activity for the development of language and in writing sequence enables the construction of concepts and other elements that ensure an increasingly present learning process as to the medium that guarantees the basis of its formation. The graphic traits, that is, the symbols represent the writing on the part of the child throughout their experience as an action of a knowledge in which one has the learning of the child in the most varied forms of the drawing. Drawing is a continuous process in which the various compositions relate to how to attribute the meaning of what is to provide the development of the child in relation to the development of writing and orality. Therefore, drawing as part of the first graphic signs developed by the child for their training.

KEYWORDS: Learning, Drawing, Language, Child.


[1] Pesquisadora Associada da UFMT. Dra em Letras e Linguística/Estudos Literários pela UFG (2007).

[2] Graduada em Pedagogia – FESURV – Faculdade Ensino Superior de Rio Verde (2008), pós-graduada em Psicopedagogia, Mestranda em Educação Holística.

BREVE PANORAMA DA TENDÊNCIA REGIONALISTA DA LITERATURA BRASILEIRA

                                           Cíntia Gomes da Silva[1]

Tereza Ramos de Carvalho[2]

RESUMO

O presente artigo apresenta um breve panorama da literatura brasileira em relação à tendência regionalista, em especial a do Centro-Oeste, abordando questões históricas e sociais, bem como as características dessa literatura regionalista e sua importância para o contexto literário. Constitui-se, também, de uma reflexão didática sobre algumas obras do escritor regionalista Silva Freire, a fim de demonstrar as marcas que tornam essas obras regionais.

PALAVRAS-CHAVE: Literatura brasileira. Tendência regionalista. Marcas regionais.

ABSTRACT

This article presents an overview about Brazilian literature and the regionalist trend especially in the Midwest. Talking about historical and social issues as well as the characteristics of this regionalist literature and its importance to society. We will have some thoughts about some works by the regionalist writer Silva Freire in order to demonstrate the features that make these works being considered regionals.

KEYWORDS: Brazilian Literature. Regionalist trend. Regional brands.


[1] Universidade Federal de Mato Grosso UFMT, Barra do Graças MT – Brasil. Profª. da Rede Estadual de Ensino Básico de Mato Grosso, Graduada em Letras, Pós-graduada em Linguagens e Ensino: Língua e Literatura pela UFMT. E-mail: jorlon_cintia@hotmail.com

[2] Universidade Federal de Mato Grosso UFMT, Barra do Graças MT – Brasil. Profª. Drª. do Curso de Pós- -Graduação em Linguagens e Ensino: Língua e Literatura. E-mail: teramos10@yahoo.com.br.

A LITERATURA COMO MEDIADORA NA APRENDIZAGEM DA LEITURA

                                           Kesley Mariano da Silva[1]

Simone Aparecida de Jesus[2]

Sirlene Aparecida de Jesus[3]

RESUMO

A Leitura é um dos Direitos de Aprendizagem que devem ser garantidos a toda criança e tem papel relevante em sua formação para agir na sociedade e para participar ativamente de todas as situações que encontra em seu dia a dia, na escola, nas ruas, bancos, etc. Para a aprendizagem de qualquer disciplina, de qualquer profissão ou simplesmente para se deslocar de um ponto a outro, é importante o domínio da leitura. Razão pela qual fica óbvio que todos têm que aprender a ler. Porém não é o que acontece com todos os alunos. Há sérias dificuldades na aquisição da leitura, que os programas e projetos instituídos pelos governos não conseguem sanar e que tem se tornado uma grande preocupação não só de professores. Nesse sentido se faz necessário entender como se dá esse processo e o que pode auxiliar o aluno nessa difícil tarefa de aprender a ler.

PALAVRAS-CHAVE: Leitura; Literatura; Direito; Educação; Aprendizagem

ABSTRACT

Reading is one of the Learning Rights, which should be guaranteed to all children and has a role in its formation to act in society and to actively participate in all situations found in their daily lives, at school, on the streets, banks, end others. For learning any subject, in any profession or simply to move from one point to another, the field of reading is important. That is why it is necessary that everyone has to learn to read. But it is not what happens to all students. There are serious difficulties in the acquisition of reading, that programs and projects set up by governments can not heal and that has become a major concern not only of teachers. In this sense it is necessary to understand how this process takes place and which can assist the student in this difficult task of learning to read.

KEYWORDS: Reading; Literature; Right; Education; Learning.


[1] Kesley Mariano da Silva. Graduação em Letras: Português/Inglês – UEG; Graduação em Direito – FMB; Especialização em Docência do Ensino Superior – FINOM; Mestrado em Educação – UNIESA; Em doutoramento – Saint Alcuin of York.

[2] Simone Aparecida de Jesus. Graduação em Letras Português/Inglês – PUC/GO; Graduação em Pedagogia – UNIFAN; Especialização em Formação de Professores em Língua Portuguesa – PUC/GO; Especialização em Psicologia dos Processos Educativos – UFG; Em processo de Mestrado em Educação – UFG.

[3] Sirlene Aparecida de Jesus. Graduação em Matemática – PUC/GO; Graduação em Pedagogia – UNIFAN; Especialização em Docência do Ensino Superior – UEG.