CURRÍCULO, ENFOQUE E OBJETIVOS DA ALFABETIZAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS NO BRASIL: singularidades da EJA no campo

Sebastiana Nascimento da Silva Primo [1]

RESUMO

A presente pesquisa aborda, de forma contemporânea, a concepção de Educação de Jovens e Adultos no Brasil segundo os aspectos curriculares e diretrizes expressas nos documentos normativos e orientadores nacionais, em especial, no que se refere a esta modalidade de ensino na zona rural. Para isso, alguns autores como Freire (1979; 1991; 1998), Zitkoski (2003), Adorno (2003), Marx (1987), Silveira (2007), Garcia (2008), Libâneo (2012) formam o marco teórico deste trabalho. Do ponto de vista epistemológico, esta pesquisa bibliográfica investiga a realização de uma educação que alavanque a justiça educacional e social no campo. Esta perspectiva educativa tem fundamentos históricos, entre outros aspectos culturais, nas lutas pela reforma agrária, sendo baseada em uma perspectiva político pedagógica de igual preceito, tendo em vista um modelo de desenvolvimento sustentável para o campo. O objetivo deste trabalho é refletir a respeito da educação de jovens e adultos (EJA) e a educação do campo, como âmbitos do conhecimento que mantêm diálogo e estão em construção, através da busca pela escolarização, que fortalece a luta dos moradores e trabalhadores do campo por maiores direitos, acessos, dignidade e cidadania.

PALAVRAS-CHAVE: Educação do Campo; Educação de Jovens e Adultos; Cidadania.

ABSTRACT

This research discusses, in a contemporary way, the conception of Youth and Adult Education in Brazil according to the curricular aspects and guidelines expressed in national normative and guiding documents, especially with regard to this modality of teaching in the rural area. For this, some authors such as Freire (1979; 1991; 1998), Zitkoski (2003),Adorno (2003), Marx (1987), Silveira (2007), Garcia (2008), Libâneo (2012) form the theoretical framework of this work. From an epistemological point of view, this bibliographic research investigates the realization of an education that wards educational and social justice in the field. This educational perspective has historical foundations, among other cultural aspects, in the struggles for agrarian reform, being based on a pedagogical political perspective of equal precept, in view of a model of sustainable development for the field. The objective of this work is to reflect on the education of young people and adults (EJA) and the education of the field, as areas of knowledge that maintain dialogue and are under construction, through the search for schooling, which strengthens the struggle of residents and workers in the field for greater rights, accesses, dignity and citizenship.

KEYWORDS: Field Education; Youth and Adult Education; Citizenship; citizenship.


[1] Graduação em Pedagogia – UNEMAT/2009; Graduação em Letras, FIC/2013; Especialização em Psicopedagogia Educacional, FAPAF/2011; Especialização em Gestão, Orientação e Supervisão Escolar, FAPAF/2011; Especialização Integrada á Educação de Jovens e Adultos, IFMT/2012; Mestrando em Educação, UNESA/2016; Doutorado em Educação (UDS, 2020).