INCLUSÃO DO ALUNO COM DEFICIÊNCIA INTELECTUAL: um estudo do processo educativo na classe comum do Ensino Fundamental na Escola Estadual Dayse Mara de Oliveira Martins na cidade de Jaru / RO

Jamile Fernandes Pedrão

RESUMO

A educação das pessoas com deficiência intelectual foi marcada em seus primórdios pela exclusão e segregação; durante longos anos pessoas com deficiência foram exterminadas, abandonadas, institucionalizadas e deixadas às margens de uma educação de qualidade. Tal situação tomou novos rumos a partir do entendimento de que crianças e jovens com e sem deficiência deveriam estudar lado a lado com seus pares. Entretanto, já passados mais de 20 anos da mudança do paradigma educacional, a inclusão dos estudantes com deficiência intelectual ainda é um desafio para os sistemas educacionais mundialmente. Essa dificuldade é ainda mais acentuada em países pobres e em desenvolvimento, como o Brasil. Dados do Censo(2017) revelaram que há aumento significativo no número de estudantes com deficiência matriculados nas classes regulares, todavia matricular o aluno não significa dar à ele acesso ao conhecimento. Dada a pertinência e abrangência do tema, o presente trabalho foi abordado numa perspectiva histórico-cultural do desenvolvimento humano, que foi adotada como referencial teórico. Para alcance dos resultados, o pesquisa seguiu o caráter descritivo, com enfoque epistemológico interpretativo e desenho misto: quali-quanti, com técnica mista de triangulação: observação, questinário semiestruturadas, entrevista em profundidade e análise documental, e analisou as práticas pedagógicas dirigidas aos estudantes com deficiência intelectual matriculados na Escola de Ensino Fundamental e Médio Professora Dayse Mara de Oliveira Martins, localizada no município de Jaru / RO, bem como o desenvolvimento e participação dos estudantes no ambiente escolar. Os resultados apontaram que todos os professores, apesar de terem um posicionamento favorável à inclusão, ainda mantêm práticas pedagógicas tradicionais e segregativas, não oferecendo aos estudantes reais oportunidades de desenvolvimento, uma vez que, no exercício de sua função, o professor não dispõe dos conhecimentos necessários para atuar em classes regulares inclusivas. Neste sentido, torna-se imprescindível políticas de formação e valorização de professores e apoio aos estudantes matriculados em classes comuns inclusivas, visto que tais estudantes necessitam de suportes adaptados para suas necessidades educativas.

PALAVRAS-CHAVE: Deficiência Intelectual, Educação Especial, Inclusão e Políticas Públicas.

INCLUSION OF STUDENTS WITH INTELLECTUAL DISABILITIES: a study of the educational process in the common elementary school class at the state school Dayse Mara de Oliveira Martins in the city of Jaru / RO

ABSTRACT

The education of people with intellectual disabilities was marked in the beginning by exclusion and segregation, for many years people with disabilities were exterminated, abandoned, institutionalized and left on the margins of quality education. This situation took new directions based on the understanding that children and young people with and without disabilities should study side by side with their peers. However, more than 20 years after the change in the educational paradigm, the inclusion of students with intellectual disabilities is still a challenge for educational systems worldwide. This difficulty is even more pronounced in poor and developing countries, such as Brazil. Census data (2017) revealed that there is a significant increase in the number of students with disabilities enrolled in regular classes, however enrolling the student does not mean giving them access to knowledge. Given the pertinence and scope of the theme, the present work was approached in a historical-cultural perspective of human development, which was adopted as a theoretical framework. To achieve the results, the work followed the descriptive character, with an interpretative epistemological focus and mixed design: quali-quanti, with mixed triangulation technique: observation, semi-structured questionnaire, in-depth interview and documentary analysis, and analyzes the pedagogical practices directed to students with intellectual disability enrolled at the Elementary School and High School Professor Dayse Mara de Oliveira Martins, located in the municipality of Jaru / RO, as well as the development and participation of students in the school environment. The results showed that all teachers, despite having a position favorable to inclusion, still maintain traditional and segregative pedagogical practices, not offering real students opportunities for development, since in the exercise of their function the teacher does not have the necessary knowledge to act in inclusive regular classes. In this sense, policies for training and valuing teachers and support for students enrolled in inclusive common classes are essential, as these students need support adapted to their educational needs.

KEYWORDS: Intellectual Disability, Special Education, Inclusion and Public Policies.

INCLUSIÓN DE ESTUDIANTES CON DISCAPACIDAD INTELECTUAL: un estudio del proceso educativo en la clase de la escuela primaria común en la escuela estatal Dayse Mara de Oliveira Martins en la ciudad de Jaru / RO

RESUMEN

La educación de las personas con discapacidad intelectual estuvo marcada en un principio por la exclusión y la segregación, durante muchos años las personas con discapacidad fueron exterminadas, abandonadas, institucionalizadas y dejadas al margen de una educación de calidad. Esta situación tomó nuevos rumbos basados ​​en el entendimiento de que los niños y jóvenes con y sin discapacidad deben estudiar codo con codo con sus compañeros. Sin embargo, más de 20 años después del cambio de paradigma educativo, la inclusión de estudiantes con discapacidad intelectual sigue siendo un desafío para los sistemas educativos a nivel mundial. Esta dificultad es aún más pronunciada en países pobres y en desarrollo, como Brasil. Los datos del censo (2017) revelaron que hay un aumento significativo en la cantidad de estudiantes con discapacidad matriculados en clases regulares, sin embargo, matricular al estudiante no significa darle acceso al conocimiento. Dada la pertinencia y alcance del tema, el presente trabajo fue abordado en una perspectiva histórico-cultural del desarrollo humano, la cual fue adoptada como marco teórico. Para lograr los resultados, el trabajo siguió elcarácter descriptivo, con un enfoque epistemológico interpretativo y diseño mixto: quali-quanti, con técnica de triangulación mixta: observación, cuestionario semiestructurado, entrevista en profundidad y análisis documental, y analiza las prácticas pedagógicas. dirigido a alumnos con discapacidad intelectual matriculados en la Escuela Primaria y Secundaria Profesora Dayse Mara de Oliveira Martins, ubicada en el municipio de Jaru / RO, así como al desarrollo y participación de los alumnos en el ámbito escolar. Los resultados mostraron que todos los docentes, a pesar de tener una posición favorable a la inclusión, aún mantienen prácticas pedagógicas tradicionales y segregantes, no ofreciendo a los estudiantes oportunidades reales de desarrollo, ya que en el ejercicio de su función el docente no tiene los conocimientos necesarios para actuar en forma inclusiva. clases regulares. En este sentido, las políticas de formación y valoración del profesorado y el apoyo a los alumnos matriculados en clases comunes inclusivas son fundamentales, ya que estos alumnos necesitan apoyos adaptados a sus necesidades educativas.

PALABRAS-CLAVE: Discapacidad intelectual, educación especial, inclusión y políticas públicas.

VIDROS QUEBRADOS: reconhecimento das altas habilidades/superdotação no atendimento educacional especializado nas escolas estaduais do polo do CEFAPRO, de Alta Floresta (MT)

Reni Burei de Lara

RESUMO

O primeiro desafio para o avanço na inclusão educacional é vencer a barreira da informação e da discriminação. Com isso, a pesquisa objetivou levantar as causas da não identificação de alunos com indicadores de Altas Habilidades/Superdotação e as dificuldades encontradas pelos professores para a realização desse diagnóstico. Para tanto, teve aporte de instrumentos «Google Forms» na coleta dos dados, e análise das respostas por meio de formulários com questões semiestruturadas e também entrevistas. Notou-se a necessidade de acompanhamento especializado aos superdotados, para que possam ser estimulados e, assim, desenvolver suas capacidades e talentos nas áreas específicas de interesse. É preciso desmistificar os conceitos sobre as Altas Habilidades/Superdotação, para que o reconhecimento dos indicadores seja comum nas práticas de identificação. Nesse contexto, concluiu-se que o olhar do professor precisa estar direcionado para o que observar, independentemente de quais sejam as necessidades de seus estudantes, a fim de promover experiências significativas para todos.

PALAVRAS-CHAVE: Educação Especial, Altas Habilidades/Superdotação, Atendimento.

BROKEN GLASSES: recognition of high skills / expertise in specialized educational service in the state schools of the CEFAPRO polo, Alta Floresta (MT)

ABSTRACT

The first challenge for advancing educational inclusion is to overcome the information and discrimination barrier. With this, the research aims to raise the causes of the non-identification of students with indicators of High Skills / Giftedness and the difficulties encountered by teachers in making this diagnosis. For that, it had input from «Google Forms» instruments in data collection, and analysis of responses through forms with semi-structured questions and also interviews. There is a need for specialized monitoring of gifted people, so that they can be stimulated and, thus, develop their skills, talents in specific areas of interest. It is necessary to demystify the concepts of High Skills / Giftedness, so that the recognition of indicators is common in identification practices. In this context, the teacher’s eyes need to be directed to what to observe, regardless of what the students’ needs are, in order to promote meaningful experiences for all.

KEYWORDS: Special Education, High Skills/Giftedness, Attendance.

VIDRIO ROTO: reconocimiento de altas habilidades/sobredotación en cuidado educativo especializado en las escuelas estado del polo CEFAPRO, Alta Floresta (MT)

RESUMEN

El primer desafío para promover la inclusión educativa es superar la barrera de la información y la discriminación. Con esto, la investigación tiene como objetivo plantear las causas de la no identificación de los estudiantes con indicadores de Altas Habilidades / Superdotación y las dificultades que encuentran los docentes para realizar este diagnóstico. Para ello, contó con el aporte de instrumentos de «Google Forms» en la recolección de datos y análisis de respuestas a través de formularios con preguntas semiestructuradas y también entrevistas. Existe la necesidad de un seguimiento especializado de las personas superdotadas, para que puedan ser estimuladas y, así, desarrollar sus habilidades, talentos en áreas específicas de interés. Es necesario desmitificar los conceptos de Altas Habilidades / Superdotación, para que el reconocimiento de indicadores sea común en las prácticas de identificación. En este contexto, los ojos del profesor deben dirigirse a lo que observar, independientemente de las necesidades de los alumnos, para promover experiencias significativas para todos.

PALABRAS CLAVE: Educación especial, Habilidades altas / superdotación, Asistencia.

INCLUIR PARA NÃO EXCLUIR: A VIVÊNCIA DOS PROFESSORES DA ESCOLA ESTADUAL DE EDUCAÇÃO ESPECIAL “LIVRE APRENDER”

Ana Rita Rafaela da Silva[1]

Leopoldo Oscar Briones Salazar[2]

RESUMO

O objetivo geral desta pesquisa foi analisar a atuação dos professores no processo de inclusão, no contexto da Educação Especial na Escola Estadual Livre Aprender. Também guiou-se pelos objetivos de produzir um relato sobre a legislação vigente da educação especial no Brasil, apontar a relevância da preparação dos professores para atuarem no processo de inclusão desenvolvido na educação especial; pontuar as percepções dos professores da Escola Estadual Livre e Aprender. Método: além da revisão de literatura (pesquisa bibliográfica) fez-se uso do questionário aberto aplicado junto aos professores da educação especial na Escola Estadual Livre Aprender localizada no município de Cuiabá-MT, a fim de conhecer a percepção dos professores sobre os desafios e benefícios da educação especial. Resultados: por meio da análise dos questionários respondidos, percebeu-se a necessidade de se oferecer melhores condições de trabalho e recursos pedagógicos que possibilitem, ao professor da educação especial, desempenhar suas atividades com maior efetividade e eficiência, suprindo a demanda e necessidades dos deficientes atendidos pela educação especial da Escola Estadual Livre Aprender. Conclusão: acredita-se que os professores da educação especial, apesar dos desafios e da necessidade de melhores condições e mais recursos pedagógicos, se empenham em ofertar aos deficientes inseridos na educação especial estratégias que permitam aos mesmos construir novos conhecimentos, competências e certa autonomia, preparando-os para inclusão social e até mesmo para o ensino regular. Ainda assim, é imprescindível que se invista mais e mais no aperfeiçoamento dos profissionais da educação, tanto daqueles que atuam na educação especial quanto do ensino regular, pois uma educação de qualidade, eficiente e eficaz permite o crescimento e desenvolvimento de um país.

PALAVRAS-CHAVE: Pessoas com Deficiência; Educação especial; Inclusão; Vivência; Professores; Escola Estadual Livre Aprender.

ABSTRACT

Objective: general objective to analyze the performance of teachers in the process of inclusion in the context of Special Education in the State Free Learning School. Produce an account of the current legislation of special education in Brazil, to point out the relevance of the preparation of teachers to act in the process of inclusion developed in special education; punctuate the perceptions of the teachers of the Free State School and Learn. Method: Besides the literature review (bibliographic research), the author used the open questionnaire applied to special education teachers at the State Free Learning School located in the city of Cuiabá-MT, in order to know the teachers’ perceptions about the challenges and benefits of special education. Results: through the analysis of the questionnaires answered, it was noticed the need to offer better work conditions and pedagogical resources that enable the special education teacher to carry out his activities with greater effectiveness and efficiency, supplying the needs and needs of the disabled attended by the special education of the State Free Learning School. Conclusion: it is believed that special education teachers, despite the challenges and the need for better conditions and more pedagogical resources, strive to offer to the disabled in the special education strategies that allow them to build new knowledge, skills and a certain autonomy, preparing them for social inclusion and even for regular education. Still, it is imperative that you invest more and more in the improvement of education professionals, both those who work in special education and regular education, because quality, efficient and effective education allows the growth and development of a country.

KEYWORDS: People with Disabilities; Special education; Inclusion; Experience; Teachers; Free State Learning School.


[1] Mestranda na UDS.

[2] Doutor em Ciências da Educação pela Pontifícia Universidade Católica de Chile (2000). Mestre em Ciências da Educação, Menção Currículo. Licenciado em Linguística. Formado na Pontifícia Universidade Católica de Chile. Diretor Programas de Pós-graduação Universidade Internacional SEK, Chile. Coordenador Unidade de Desenvolvimento Curricular Centro tecnológico Pontifícia Universidade Católica de Valparaíso, Chile. Especialista em Gestão Acadêmica Universitária e em Gestão Educativa. Leopoldobriones@gmail.com

EDUCAÇÃO INCLUSIVA: O QUE PENSAM OS PROFESSORES? Contribuições a partir de uma pesquisa de campo realizada na EE Ana Maria do Couto, Cuiabá, MT, Brasil

Maria Cristina Domingues Barros[1]

Resumo

Este artigo tem por objetivo investigar o que pensam os professores da Escola Estadual Ana Maria do Couto sobre o processo de educação inclusiva. A proposta dessa educação se efetiva na busca de uma escola de qualidade para todas as crianças, independentemente de qualquer atributo físico, mental ou social. A educação especial deve funcionar como um suporte para a educação inclusiva quando se trata de crianças com deficiência e que tem necessidades educacionais especiais. De posse destes conceitos, apresentamos as principais ideias de L.S.Vigostski acerca do desenvolvimento da criança com deficiência. Esta teoria embasa a defesa por uma educação em que todas as crianças estudem juntas no mesmo local. Concluiu-se que é necessário que a criança com deficiência conviva diariamente com outros modelos de linguagem, de expressão, de habilidades para que possam ir além da deficiência e possam desenvolver outros modelos de atuação e de pensamento.

Palavras-chave

Professor, educação especial, educação inclusiva

Abstract

This article aims to understand what the teachers think the State School Ana Maria do Couto on the inclusive education process. The purpose of this is effective education in the pursuit of a quality school for all children regardless of any physical, mental or social attribute. Special education should act as a support for inclusive education when it comes to children with disabilities and who have special educational needs. Armed with these concepts , we present the main L.S.Vigostski ideas about the development of children with disabilities. This theory underlies the defense for an education that all children study together in the same place. For Vygotsky, it is necessary that the disabled children socialize daily with other language models, expression of skills so that they can go beyond the disability and to develop other models of action and thought.

Keywords

Teacher, special education, inclusive education

Texto completo


[1] Maria Cristina Domingues Barros, professora da rede estadual de Educação; Pós graduada pela UFMT em Educação Especial; Pós graduada pela UFMT em Educação Física e Esportes; Mestre em Ciências da Educação pela UPAP/PY.

O ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO NO MUNICÍPIO DE TRINDADE – GO

Andrei Pires de Alcântara[1]

Resumo

O trabalho ora apresentado se constitui de um artigo, no qual se faz uma abordagem social a partir da análise de dados obtidos pela Superintendência de Inclusão da Secretaria de Estado da Educação em Goiás, acerca do município de Trindade, referente ao Atendimento Educacional Especializado – AEE. O presente artigo apresenta e relata os direitos dos portadores de necessidades especiais, especificamente, quanto ao acesso ao conhecimento. A pesquisa em questão apresenta uma breve entrevista realizada com uma Professora da Educação Especial do Colégio Estadual Professor Herlon Gomide, situado nesta cidade. A entrevista expressa a prática adotada e as dificuldades encontradas por ela, no processo de atendimento aos discentes, o que permitirá conhecer a realidade do AEE no município escolhido. Também, cita a definição de AEE, seu contexto na educação brasileira, fundamentos e princípios, necessidades educacionais, recursos disponibilizados por meio de revisão bibliográfica. A pesquisa objetiva saber como está sendo conduzida a Educação Especial na rede de ensino regular e a utilização do AEE no município em questão. E, ainda, propõe fazer uma revisão acerca dos direitos dos discentes portadores de necessidades educacionais especiais e qual deve ser a postura do educador desses alunos. Como resultados observou-se que há um déficit de profissionais do AEE de aproximadamente mais de 50%.

Palavras-chave

Atendimento Educacional Especializado. AEE. Necessidades Especiais. Educação Especial.

Abstract

The paper presented here consists of an article in which a social approach is made based on the analysis of data obtained by the Superintendency of Inclusion of the State Department of Education in Goiás, in the municipality of Trindade. This article presents and reports the rights of people with special needs, especially regarding access to knowledge. The research in question presents a brief interview with a Professor of Special Education of the State College Professor Herlon Gomide, located in this city. The interview expresses the practice adopted and the difficulties encountered by it, in the process of attending to the students, which will allow to know the reality of the ESA in the chosen municipality. It also cites the definition of ESA, its context in Brazilian education, fundamentals and principles, educational needs, resources made available through bibliographic review. The research aims to know how Special Education is being conducted in the regular education system and the use of ESA in the municipality in question. It also proposes to review the rights of students with special educational needs and what should be the attitude of the educator of these students. As results it was observed that there is a deficit of professionals of the ESA approximately more than 50%.

Keywords

Specialized Educational Assistance. AEE. Special needs. Special education.

Texto completo


[1] Professor Andrei Pires de Alcântara, Mestrando da Saint Alcuin of York Anglicana College – Chile.