EJA um estudo dos saberes docente na formação continuada no município de Ipojuca, PE – Brasil

Rejenice José Silva

RESUMO

O fio condutor desta pesquisa está ancorado no objetivo de analisar as concepções dos professores acerca dos saberes construídos nas formações continuadas na modalidade de Educação de Jovens e Adultos (EJA), ofertadas pela secretaria de educação. O aporte teórico elegeu autores que deram suporte à pesquisa empírica, abordando as categorias: formação continuada, saberes docentes e políticas públicas. O aporte metodológico utilizou a abordagem quantitativa e qualitativa que possibilitou uma análise interpretativa considerando as percepções dos sujeitos investigados. Os instrumentos de coleta de dados foram: entrevistas semiestruturadas aplicadas aos professores e equipe técnica que realizam as formações da EJA, bem como um questionário com vinte e sete (27) perguntas, sendo elas abertas e fechadas, para os professores que atuam nas formações continuadas, que ensinam do 1º ao 5º ano do ensino fundamental na modalidade EJA. Nas entrevistas, os sujeitos foram seis (6) professores, quatro (4) formadores educacionais e uma (1) diretora de ensino. As análises dos dados qualitativos orientadas pela Análise de Discurso (AD) e as organizações dos dados para análise e interpretação foram agrupados em três Formações Discursivas (FD). A pesquisa aponta que entre as concepções dos professores acerca dos saberes recebidos na formação continuada, a demanda se volta para um acompanhamento mais sistemático pela equipe técnica, o que vem atrelar o elo entre a formação, sala de aula e a escola. Assim, a gestão local com isto poderá acompanhar os procedimentos metodológicos, possibilitando a participação da escola na apropriação do conhecimento. Ao final, são apontadas as conclusões, dificuldades e limitações desta pesquisa e direções para realização de futuros trabalhos.

PALAVRAS-CHAVE: EJA. Formação Continuada. Saberes Docentes.

A study of teaching know ledge in continuing education in the municipality of Ipojuca, Pernambuco Brazil

ABSTRACT

The guiding thread of this paper on Youth and Adult Education. The proposal anchors in the objective of analyzing the teachers’ conceptions about knowledge constructed in the continuous training in the Youth and Adult Education (EJA) modality by the Education Department of that state. The theoretical contribution elected authors who supported the theory and empirical research, addressing the following categories: continuing education, teaching knowledge, and public policies. The methodological contribution used both quantitative and qualitative approaches, which enabled an interpretive analysis considering the perceptions of the investigated individuals. The instruments for data collection were: semi-structured interviews applied to teachers and the technical team that carries out EJA training, as well as a questionnaire with twenty-seven open and closed questions for teachers who work in continuing education from the 1st to the 5th grades of elementary education in the EJA modality. In the interviews, the individuals were six teachers, four educational trainers and a teaching director. The analysis of qualitative data, guided by discourse analysis (DA) and the organization of data for analysis and interpretation were grouped into three Discursive Formations (DFs). The research points out that the teachers’ demands are turned to a more systematic monitoring by the technical team, which proposes a link between training, the classroom and the school. Thus, the local management will be able to follow the methodological procedures, enabling the school’s participation in the appropriation of knowledge. In the end, the conclusions, difficulties and limitations of the research are pointed out, as well as directions for carrying out future works.

KEYWORDS: EJA. Continuing Education. Teaching knowledge.

Um estúdio del conocimiento docente em formación continuada em el município de Ipojuca, Pernambuco –Brasil.

RESUMEN

El hilo conductor de este artículo sobre Educación de Jóvenes y Adultos. La propuesta se ancla en el objetivo de analizar las concepciones de los docentes sobre el conocimiento construido en la formación continua en la modalidad de Educación de Jóvenes y Adultos (EJA) por el Departamento de Educación de ese estado. El aporte teórico eligió a los autores que apoyaron la teoría y la investigación empírica, atendiendo las siguientes categorías: educación continua, conocimientos docentes y políticas públicas. El aporte metodológico utilizó el enfoque cuantitativo y cualitativo, lo que permitió un análisis interpretativo considerando las percepciones de los individuos investigados. Los instrumentos para la recolección de datos fueron: entrevistas semiestructuradas aplicadas a docentes y al equipo técnico que realiza la formación de EJA, así como un cuestionario con veintisiete preguntas abiertas y cerradas para docentes que laboran en educación continua del 1 al 5 años del programa de educación básica en la modalidad EJA. En las entrevistas, los individuos fueron seis maestros, cuatro formadores educativos y un director de docentes. El análisis de datos cualitativos, guiado por el análisis del discurso (AD) y la organización de los datos para su análisis e interpretación se agruparon en tres Formaciones Discursivas (FDs). La investigación apunta que las demandas de los docentes se dirigen a un seguimiento más sistemático por parte del equipo técnico, que propone un vínculo entre la formación, el aula y la escuela. De esta forma, la dirección local podrá seguir los procedimientos metodológicos, posibilitando la participación de la escuela en la apropiación de conocimientos. Al final, se señalan las conclusiones, dificultades y limitaciones de la investigación, así como orientaciones para la realización de trabajos futuros.

PALABRAS CLAVE: EJA. Educación continua. Enseñanza del conocimiento.

UM BREVE HISTÓRICO DA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS NO BRASIL

                                           Sandra Maria Alves Barbosa Melo[1]

Rejenice José Silva[2]

Eliete Borges Lopes[3]

RESUMO

O presente artigo tem como objetivo, a partir do histórico da Educação de Jovens e Adultos no Brasil (EJA), compreender as políticas pedagógicas implementadas no país e o quanto representam para o desenvolvimento da educação no que tange à alfabetização e ao senso crítico. Para a pesquisa, foram utilizados documentos oficiais, um aporte bibliográfico e um questionário investigativo. A metodologia teve como intento o significado em termos de teorias e práticas, com resultados negativos e positivos, do EJA para as populações com as quais o modelo entra em contato. Além disso, procura-se apontar a relevância de Paulo Freire para esse modelo educacional, com suas contribuições e também os desdobramentos para se ter educandos críticos e capazes de transformar o próprio mundo e da coletividade. Para isso, a experiência de vida daqueles que desejam completar ou conquistar uma educação formal entra em cena, com um impacto extraordinário para o programa institucional. Assim, assegura-se a importância do EJA e a sua força como instrumento educacional para a transformação de realidades pela inclusão e pelo estímulo ao pensamento.

PALAVRAS-CHAVE: História da educação. EJA. Paulo Freire. Transformação.

ABSTRACT

This article aims to understand the pedagogical policies implemented in the country and how they represent the development of education in literacy and critical sense, based on the history of Youth and Adult Education in Brazil (EJA). For the research, official documents, a bibliographical contribution and an investigative questionnaire were used. The methodology had as its intent the meaning in terms of theories and practices, with negative and positive results, of the EJA for the populations with which the model comes into contact . In addition, it seeks to point out the relevance of Paulo Freire to this educational model, with its contributions and also the unfolding to have critical students capable of transforming the world and the community. To this end, the life experience of those who wish to complete or conquer formal education comes on the scene, with an extraordinary impact on the institutional program. Thus, the importance of the EJA and its strength as an educational tool for the transformation of realities through inclusion and the stimulation of thought is ensured.

KEYWORDS: History of education. EJA. Paulo Freire. Transformation.


[1] Pós-Graduada em Teoria da História Regional pela UFMT. Mestre em Educação pela Saint Alcuin/Chile. Doutoranda em Educação na Facisc/Chile.

[2] Mestranda em Ciências da Educação, Universidad de Desarrollo Sustentable – UDS.

[3] Dra. em Educação pela Universidade Federal de Mato Grosso 2016. Mestre em Educação pela UFMT, 2011. Graduada em Pedagogia UFMT 2004.

EJA: TRAJETÓRIA DE LUTAS, TRANSFORMAÇÕES E RUPTURAS.

                                           Sandra Maria Alves Barbosa Melo [1]

Maurenilce Lemes da Silva [2]

RESUMO

Objetivamos relembrar alguns aspectos da trajetória da Educação de Jovens e Adultos no contexto brasileiro, refletindo suas lutas, transformações e rupturas que sempre estiveram presentes neste cenário. A EJA passou a ter existência concreta com bases legais mais específicas a partir de 1996, após a promulgação da LDBEN Lei 9396/96 que a instituiu como modalidade da Educação Básica, com modos próprios de fazer educação para um público diverso, mas com especificidades que precisam ser consideradas no acesso, permanência e, sobretudo, no trabalho pedagógico. Deve ser educação articulada ao mundo do trabalho e às vivências dos sujeitos nela inseridos para que, ao apropriar-se do conhecimento, possam mudar suas realidades e promover qualidade de vida, serem mais competitivos, preparados para o exercício da cidadania sem se desumanizar. Muitos foram os fatos e pessoas que promoveram a formação escolar com adequações à pluralidade da demanda acolhida pela modalidade. Prejudicada pelas descontinuidade de políticas públicas, a EJA registra em sua história avanços permeados por fragmentações, fragilidade ou inexistência de ações que a legitimasse como direito social com considerável número de pessoas ativas na jornada de trabalho. A busca por adequações que garantam a qualidade da EJA em MT, teve repercussões inéditas porque Mato Grosso despontou na criação dos CEJAs, espaços constituídos como referência e com exclusividade aos estudantes jovens e adultos, aprovados pelo Decreto nº. 1123 de 2008, regulamentado pela Resolução Normativa Nº 005/2011-CEE/MT. É importante que os gestores do sistema público em parceria com os profissionais e estudantes da EJA construam seu projeto pedagógico coletivo, ao mesmo tempo que represente suas necessidades de contexto. Em tempos de pandemia essa necessidade intensifica, constituindo-se na complexidade de encontrar estratégias viáveis a um recomeço com urgência, prosperidade e, por excelência, humanizado.

PALAVRAS-CHAVE: EJA, Direito Social, CEJAs, Humanização.

ABSTRACT

We aim to recall the trajectory of Youth and Adult Education in the Brazilian context, reflecting on their struggles, transformations and ruptures that have always marked the modality, which in fact came to have concrete existence with more specific legal bases from 1996. After the enactment of the LDBEN (Law Guidelines and Bases of National Education) Law 9396/96 that established it as a Basic Education modality, with its own ways of providing education for such a diverse audience, but with specificities that need to be considered in access, permanence and above all in pedagogical work. Education must be articulated to the world of work and the experiences of the subjects so that they, by appropriating knowledge, can change their realities and promote quality of life, be more competitive, prepared in the exercise of citizenship without dehumanizing themselves. Support for the legacy of Paulo Freire, an educator who contributed so much to education. There were many facts and people that promoted school education with adjustments to the plurality of the demand received by the modality. Impaired by the discontinuity of public policies, EJA (Youth and Adult Education) recorded in its history advances permeated by fragmentation, fragility or lack of actions that legitimized it as a social right with a considerable number of people in full exercise of their working hours. The search for adjustments that guarantee the quality of EJA (Youth and Adult Education) in Mato Grosso, had unprecedented repercussions because Mato Grosso emerged in the creation of CEJAs (Educational Centers for Youth and Adults), spaces constituted as a reference and exclusively for young and adult students, approved by Decree no. 1123 of 2008. Regulated by Normative Resolution number 005/2011-CEE/ MT. It is important that managers of the public system in partnership with professionals working in the modality build their collective pedagogical project, while representing their needs in context. In times of pandemic, this need intensifies, constituting the complexity of finding viable strategies for a restart with urgency, prosperity and humanized excellence.

KEYWORDS: EJA, Social Law, CEJAs, Humanization


[1] Professora Sandra Maria Alves Barbosa Melo. Diretora IESA, Dra em Ciências da Educação pela UDS Paraguay.

[2] Professora efetiva da rede estadual de ensino de MT, mestre em Educação pelo PPGEdu/UNEMAT/Cáceres, atualmente é gestora da EE Esperidião Marques em Cáceres -MT.