Problemática do ensino e aprendizagem da Matemática/geometria no Ensino Fundamental e no Ensino Médio da Escola Pública de Cuiabá – Mato Grosso – ano 2010.

Castelino Roberto da Silva

RESUMO

O presente trabalho retrata a concepção de professores e alunos de Matemática do Ensino Fundamental e Médio de uma escola pública com a finalidade de investigar as principais problemáticas encontradas no processo ensino-aprendizagem da Matemática e Geometria. Para possibilitar uma análise mais consistente, procurou-se observar se os alunos gostam de estudar Matemática e se consideram a sua importância. Os resultados mostraram que na concepção dos alunos há uma relação entre não gostar de Matemática e as dificuldades em sua aprendizagem; apesar de considerarem como uma disciplina importante, apontaram a falta de relação da teoria com a prática, métodos e recursos didáticos inadequados e falta de apoio da escola. Na concepção dos professores, os dados apontaram como as principais problemáticas, a falta de base dos alunos nas séries anteriores, falta de apoio da família e a falta de motivação dos alunos, o que dificulta a aprendizagem matemática. Esta pesquisa pretendeu apresentar algumas contribuições para o ensino, que poderão constituir-se para desencadear reflexões sobre o ensino de Matemática e Geometria em busca da melhoria das atividades pedagógicas em sala de aula para uma aprendizagem significativa.

PALAVRAS-CHAVE: Matemática, Geometria, Dificuldades, Ensino e Aprendizagem.

RESUMEN

El presente trabajo retrata la concepción de profesores y alumnos de matemáticas de la enseñanza fundamental y media de una escuela pública con la finalidad de investigar las principales problemáticas encontradas en el proceso enseñanza-aprendizaje de las matemáticas y la geometría. Para posibilitar un análisis más consistente se busca observar si los alumnos les gusta estudiar Matemáticas y se consideran su importancia. Los resultados mostraron que en la concepción de los alumnos hay una relación a no gustar de matemáticas y dificultades en su aprendizaje, a pesar de considerar como una disciplina importante, apunta la falta de relación de la teoría con la práctica, métodos y recursos didácticos inadecuados y falta de apoyo de la escuela. En la concepción de los profesores los datos apuntaron como las principales problemáticas, la falta de base de los alumnos en las series anteriores, falta de apoyo de la familia y la falta de motivación de los alumnos, lo que dificulta el aprendizaje matemático. Esta investigación pretende presentar algunas contribuciones a la enseñanza, que podrán constituirse para desencadenar reflexiones sobre la enseñanza de Matemáticas y Geometría en busca de la mejora de las actividades pedagógicas en el aula para un aprendizaje significativo.

PALABRAS-CLAVE: Matemáticas, Geometría, Dificultades, Enseñanza y Aprendizaje.

APRENDIZAGEM SIGNIFICATIVA E AS PRÁTICAS METODOLÓGICAS UTILIZADAS NAS AULAS DE MATEMÁTICA

Márcia Ferreira Moreno [1]

Manoel Benedito Nirdo da Silva Campos [2]

RESUMO

A relevância deste artigo centra-se no estudo das práticas metodológicas, utilizadas em sala de aula pelos professores de Matemática, como aprendizagem significativa para o ensino desta ciência, trazendo alguns apontamentos reflexivos sobre a teoria da Aprendizagem Significativa, de David Ausubel, embasado em críticos como: Moreira e Masini (2002), Ausubel, Novak e Hanesian (1980), entre outros, que contribuem para a reflexão sobre o desenvolvimento do pensamento lógico, como ele é considerado como processo mental para o raciocínio, por aprendizagem significativa e aquisição do conhecimento que é aprendido na escola ou no ambiente em que a criança se desenvolve. O estudo realizado apontou que a Matemática visa envolver valores e desenvolver atitudes no aluno e requer o uso de estratégias que permitam desenvolver as habilidades para entender, associar, analisar e interpretar o conhecimento adquirido para empregar em seu ambiente social. Por meio de uma pesquisa bibliográfica, descritiva, de cunho qualitativo, compreendeu-se que essas ferramentas tornam possível converter as salas de aulas em uma oficina onde os alunos podem experimentar e construir conceitos abstratos, difíceis de adquirir por outros meios. Concluiu, ainda, que o professor deve desenvolver seu planejamento, junto aos alunos, de forma ativa no aprendizado; baseado na transmissão de conhecimento de forma significativa, cuja prática lhe permitirá consolidar seus conhecimentos matemáticos.

PALAVRAS-CHAVE: Aprendizagem Significativa; Educando; Matemática; Ensino Aprendizagem.

ABSTRACT

The importance of this article focuses on the study of practical methodologies used in the classroom by mathematics teachers as meaningful learning for the teaching of this science by making some notes about the theory of Meaningful Learning, by David Ausubel based on authors such as Moreira and Masini (2002), Ausubel, Novak and Hanesian (1980: 122) among others that contribute to the development of logical thinking, how they are considered as mental processes for reasoning, meaningful learning and acquisition of knowledge that is learned in school or in the environment in which the child develops. The study carried out pointed out that mathematics aims to involve values and develop attitudes in the student and requires the use of strategies that allow them to develop the skills to understand, associate, analyze and interpret the knowledge acquired to face their environment. Through a descriptive, descriptive bibliographical research, it was understood that these tools make it possible to convert classrooms into a workshop where students can experiment and construct abstract concepts difficult to acquire by other means. He also understood that the teacher should develop his planning with students in an active way in learning; based on the transmission of knowledge in a significant way, whose practice will allow him to consolidate his mathematical knowledge.

KEYWORDS: Significant Learning; Teaching; Mathematics; Teaching Learning.


[1] Graduação em Licenciatura Plena em Matemática. Universidade Federal de Mato Grosso. Campus Universitário de Rondonópolis. Mestranda em Ciência da Educação – IESA – Instituto de Ensino Superior do Araguaia.

[2] Doutorado em Ciências da Educação pela Universidad Tecnológica Intercontinental/Asunción- Paraguay. Docente do curso de Matemática da Universidade Federal de Rondonópolis-MT. E-mail: macampos@ufmt.br.

COMO APRENDER MATEMÁTICA ATRAVÉS DOS JOGOS

Olívia Aparecida Gomes França[1]

Aroldo José Abreu Pinto [2]

Resumo

A referente pesquisa aborda a importância de se jogar com os alunos. A disciplina de Matemática é uma das mais antigas disciplinas a serem estudadas e ela está presente em todo o mundo; nós não aprendemos Matemática somente na escola, mas sim no nosso dia-a-dia. Quando se aplica exercícios de Matemática para as crianças, percebe-se que cada uma delas possui um potencial diferente e que quando trabalhados em grupos elas se desenvolvem melhor, pois uma que sabe mais, vai ensinando aqueles que possuem dificuldades. Essa troca de experiências é muito importante para que cada criança possa ensinar suas estratégias umas para as outras. Os objetivos Gerais desse trabalho foram: Mostrar o quanto é importante inserir os jogos nas aulas de Matemática; Verificar se as crianças realmente aprendem jogando. Quanto a metodologia foi feito um estudo bibliográfico, levantamento de hipóteses e depois a pesquisa de campo.

Palavras-chave

Jogar. Matemática. Crianças.

Abstract

The research focuses on the importance of playing with students. The discipline of mathematics is one of the oldest disciplines to be studied and it is present throughout the world; We don’t learn mathematics only in school, but in our daily life. When you apply math exercises to children, it is perceived that each of them has a different potential and that when worked in groups they develop better, because One who knows more, will teach those who have difficulties. This exchange of experiences is very important so that each child can teach their strategies to each other. The general objectives of this work were: to show how important it is to insert the games in the mathematics classes; Check if children really learn playing. As for the methodology, a bibliographical study was carried out, as well as a survey of hypotheses and then field research.

Keywords

Play. Math. You kids

Texto completo


[1] Professora da Educação Básica na Escola Municipal Maria Júlia de Almeida – Alto Araguaia, MT. Graduada em Licenciatura Plena em Pedagogia pela UNOPAR – Universidade Norte do Paraná. Graduada em Licenciatura Plena em Letras pela UNEMAT – Universidade do Estado de Mato Grosso (2009). Pós – graduada em Psico-pedagogia Clínica e Institucional pela FIC – Faculdades Integradas de Cassilândia. E-mail: olivinhafranca@hotmail.com.

[2] Doutor em Letras pela UNESP/Assis. Atualmente integra o corpo docente do Programa de Mestrado em Estudos Literários da UNEMAT – Campus de Tangará da Serra. É professor dos cursos de Letras da Universidade do Estado de Mato Grosso/UNEMAT em Tangará da Serra. Pesquisador da UNESP/Assis (Grupo Acadêmico Leitura e Literatura na Escola: Núcleo Regional de Pesquisa).