UM BREVE HISTÓRICO DA EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS NO BRASIL

                                           Sandra Maria Alves Barbosa Melo[1]

Eliete Borges Lopes[2]

RESUMO

O presente artigo tem como objetivo, a partir do histórico da Educação de Jovens e Adultos no Brasil (EJA), compreender as políticas pedagógicas implementadas no país e o quanto representam para o desenvolvimento da educação no que tange à alfabetização e ao senso crítico. Para a pesquisa, foram utilizados documentos oficiais, um aporte bibliográfico e um questionário investigativo. A metodologia teve como intento o significado em termos de teorias e práticas, com resultados negativos e positivos, do EJA para as populações com as quais o modelo entra em contato. Além disso, procura-se apontar a relevância de Paulo Freire para esse modelo educacional, com suas contribuições e também os desdobramentos para se ter educandos críticos e capazes de transformar o próprio mundo e da coletividade. Para isso, a experiência de vida daqueles que desejam completar ou conquistar uma educação formal entra em cena, com um impacto extraordinário para o programa institucional. Assim, assegura-se a importância do EJA e a sua força como instrumento educacional para a transformação de realidades pela inclusão e pelo estímulo ao pensamento.

PALAVRAS-CHAVE: História da educação. EJA. Paulo Freire. Transformação.

ABSTRACT

This article aims to understand the pedagogical policies implemented in the country and how they represent the development of education in literacy and critical sense, based on the history of Youth and Adult Education in Brazil (EJA). For the research, official documents, a bibliographical contribution and an investigative questionnaire were used. The methodology had as its intent the meaning in terms of theories and practices, with negative and positive results, of the EJA for the populations with which the model comes into contact . In addition, it seeks to point out the relevance of Paulo Freire to this educational model, with its contributions and also the unfolding to have critical students capable of transforming the world and the community. To this end, the life experience of those who wish to complete or conquer formal education comes on the scene, with an extraordinary impact on the institutional program. Thus, the importance of the EJA and its strength as an educational tool for the transformation of realities through inclusion and the stimulation of thought is ensured.

KEYWORDS: History of education. EJA. Paulo Freire. Transformation.


[1] Pós-Graduada em Teoria da História Regional pela UFMT. Mestre em Educação pela Saint Alcuin/Chile. Doutoranda em Educação na Facisc/Chile.

[2] Dra. em Educação pela Universidade Federal de Mato Grosso 2016. Mestre em Educação pela UFMT, 2011. Graduada em Pedagogia UFMT 2004.